Michael Jackson e Vincent Paterson: a origem do videoclipe ‘Smooth Criminal’

“Quero que você ouça uma música. Ainda não terminei a letra mas vou chamá-la de Smooth Criminal.” — disse Michael Jackson para o coreógrafo Vincent Paterson

O dançarino e coreógrafo Vincent Paterson havia colaborado com Michael Jackson em dois curtas-dois metragens musicais mais lendários da década de 1980, “Beat It” e “Thriller” como dançarino de apoio. Quatro anos depois, em 1987, Vincent recebeu um telefonema de Michael e convidou para uma conversa em um estúdio de gravação.

Ao chegar no estúdio, Vincent sentou-se lado a lado de Michael enquanto o engenheiro de som ao lado tocava a versão inicial de Smooth Criminal.

Quando a música acabou, Michael perguntou para Vincent: “O que você acha?” Vincent ficou intrigado, mas respondeu com entusiasmo: “Acho que a música é cheia de poder, tem um som muito original e é perfeita para dançar!”.

Depois que eles a ouviram várias vezes, Michael deu a Vincent uma fita e pediu para que levasse a música para casa.

Ele disse:

“Quero que essa música tenha uma conversa profunda com você.”.

“Eu não entendo o que você quer dizer? Você vai usar essa música para um videoclipe? Você quer que eu me junte como dançarino de apoio?” perguntou Vincent disse a Michael.

“Coreografe a música e faça o que a música quer ser!”

Michael continuou: “Estou pensando … dezenas de pessoas em um clube. Com smokings e cartolas… Mas deixe a música dizer o que quer ser!”.

Vincent pegou a fita e disse: “Obrigado”.

Annie are you Ok?

Em 13 de outubro de 1988, o curta-metragem Smooth Criminal teve a sua premiere mundial pelos canais da MTV. O Rei do Pop nos deu  outra  memorável história, colocando-nos profundamente dentro do alternativo mundo do submundo da Chicago dos anos trinta,

Um clássico:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *